Janela do Facebook

Estive pensando em como fiquei viciada em algo que eu odeio que é o Facebook. Depois que fiquei longe da família, ele se tornou o meio de comunicação mais eficaz e que torna todos mais próximos, mas também descobri que é intrigante mente viciante.
Imagine que tenho acesso a todos os círculos só sociais dos quais participei em toda minha vida seja na escola, na igreja, na minha família, no trabalho, na universidade, enfim, todas estas pessoas dentro de um mesmo ambiente, de uma mesma sala e eu as observo de uma única janela.
Parece que queremos falar com todas ao mesmo tempo e receber o feedback de todas. Imagine uma roda de amigos com quinhentas pessoas!
Pois é isso o que faz o Facebook.
Ele une as nossas imensas e intermináveis conexões interpessoais passadas e,sem controle pode interromper nossas conexões futuras, especialmente quando estamos em um meio completamente novo e diverso.
Também percebi que ficamos na janela “olhando a rua” e vendo a banda passar quando abrimos uma janela do facebook.
Mas é interessante como posso vencer o tempo e o espaço através de um simples emaranhado Livro de Rostos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s